Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




lembrancinha

por sapoprincipe, em 15.04.11

No seu aniversário, bodas, casamento, formatura, data especial, um amigo quer lhe dar um presente.

O que é um presente pra você?

Aquilo que lhe agrada?

Aquela escolha que você fez e ele foi lá na loja comprar?

Aquele item que está na lista que você divulgou na internet?

Algo que surpreenda nem que seja pela originalidade?

 

Sempre fico em dúvida do que dar de presente. Como meu nome ainda não entrou na lista da Forbes, as minhas escolhas ficam sempre muito restritas. Mas fico sempre pensando que o presente mesmo que estou dando nem é o objeto em si, e sim o tempo que levo para a escolha, os deslocamentos que faço para as compras, a escolha do papel de presente e se terá laço ou não e de que cor. Este tempo envolvido na intenção de agradar o presenteado, pra mim é que deveria ser considerado o verdadeiro presente.

 

O que é um presente pra você?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:11


18 comentários

Sem imagem de perfil

De Juju D'Alcantara a 15.04.2011 às 16:25

Concordo totalmente com vc, Claudim!
Sem imagem de perfil

De Mani a 15.04.2011 às 18:46

Voce lembrar de mim! Sua amizade é o presente mais precioso!!!
Imagem de perfil

De sapoprincipe a 18.04.2011 às 15:02

Mani, agora fiquei em dúvida se vc está falando comigo ou com a Juju.
Seja como for, lembro sempre de vocês que são adoráveis.
Ah, e o outro comentário era resposta pra Juju. Tem coisas nestes blog que não saem do jeito que eu gostaria.
Sem imagem de perfil

De Monix a 15.04.2011 às 22:52

Podem me chamar de loca, mas o presente que eu gosto de ganhar é justamente algo que eu jamais compraria. É interessante porque, antes de mais nada, me fala um pouco sobre o que a pessoa que deu o presente pensa de mim. E também porque presente bom é o supérfluo, é o inesperado... Ganhar alguma que "que estou precisando" acho chato. O que estou precisando eu compro, ou não compro, sei lá, mas não é isso que quero ganhar.
Imagem de perfil

De sapoprincipe a 18.04.2011 às 15:03

Precisar não precisa....
certas emoções não tem mesmo preço.
eheheheh
Sem imagem de perfil

De Ana a 16.04.2011 às 16:49

Para mim o valor do presente é ver nele que quem mo deu me conhece de verdade, ele ser exatamente para mim. O preço dele não importa nada, e pode nem ser tangível. Presente é saber que pensaram em mim e não em geral...
Imagem de perfil

De sapoprincipe a 18.04.2011 às 15:06

O "mo deu" é pelo facto do blog estar hospedado em Portugal? eheheheh
"Ser exatamente pra mim" acho que é o ponto. Por sinal, nem sempre fácil de descobrir ou achar.
Sem imagem de perfil

De Ana a 18.04.2011 às 19:58

Justamente! :)
Sobre o "mo deu": tal como o servidor do blog, sou portuguesa, apesar de estar "hospedada" no Brasil...
Imagem de perfil

De sapoprincipe a 19.04.2011 às 15:48

Ana, sorry. Confundi as Anas.
Conheço bem a terrinha porque morei lá anos. Lembro que a primeira vez que ouvi o "mo deu" me assustei. Um dia ainda hei de usá-lo com propriedade.
Sem imagem de perfil

De Elir Ferrari a 17.04.2011 às 17:19

Eu acho que o que vale é a lembrança, seja ela um presente, seja ela uma mensagem, seja ela um abraço. Mas que seja de coração. Nada daqueles presentes de obrigação, passar em qualquer lugar, comprar qualquer coisa... Se bem que, dependendo de quem dá, é fácil saber a importância do presente, até mesmo no caso de qualquer coisa. Contudo, não há presente melhor do que ganhar de surpresa aquilo que vínhamos paquerando há algum tempo e ainda não tivemos tempo ou dinheiro para comprar... ou algo que gostamos muito, que um amigo sensível se antecipou.
Mas a satisfação mesmo, acredito eu, diz respeito aos valores simbólicos agregados ao momento em que recebemos o presente e que associamos a quem nos deu.
Imagem de perfil

De sapoprincipe a 18.04.2011 às 15:10

"não há presente melhor do que ganhar de surpresa aquilo que vínhamos paquerando há algum tempo".
Algo que nem havíamos pensado e que quando vemos pensamos: como não pensei nisto antes? Como conseguir viver sem isto até agora? Pode ser também um bom presente.
Mas tudo bem, num aniversário seu que eu tenha verba (porque nokias linha N, tablets não exatamente baratinhos) eu olho a sua lista, tá?
Sem imagem de perfil

De K. a 19.04.2011 às 00:21

Eu concordo com a Monix.Gosto de ganhar o superfluo, como sabonetes por exemplo.Aqueles caros, bem perfumados,em barra ou em creme que eu nunca posso comprar.
Mas gosto muito de ganhar livros também.
Imagem de perfil

De sapoprincipe a 19.04.2011 às 15:52

K., tem alguns sabonetes maravilhosos. A Monix inclusive ganhou um de presente. Espero que ela tenha gostado.
Quando eu era criança dar sabonetes de presente não era gentil. Ponderavam que poderia parecer que estávamos querendo dizer que o outro não tomava banho. eheheheh
Sem imagem de perfil

De Flávia Craudia a 25.04.2011 às 21:08

Monix disse tudo. Presente bacanérrimo é aquele que a gente quer e não tem coragem de comprar, cobiça em segredo ou nem mesmo sabe que queria e fica com aquela ideiazinha guardada lá no fundo da cabeça: "quem sabe um dia...", "quando sobrar uma graninha...".
Sabonete, adoro! Claudio tem razão. Na infância dar sabonetes de presente era chamar o presenteado de "sujo". Minha vó torta sempre me deu sabonetes em todos os aniversários. Phebo. Quando estava melhorzinha de grana, a caixa de madeira com 3. Quando não, um só. Embrulhava em papel de presente e escrevia a dedicatória no avesso do papel. Adorava. Saudades daquele tempo. Beijos.
Imagem de perfil

De sapoprincipe a 26.04.2011 às 14:33

Flávia Craudia, falando em Monix, vc saiu daqui e passou lá no Fridas? Era aniversário dela ;c)
Vc está me devendo um certo "presente" japonês. Ainda não conseguiu achar o endereço da loja? eheheheheh
Sem imagem de perfil

De Flavia Craudia a 26.04.2011 às 18:00

Hehehe! Verdade. Não encontrei a "loja japonesa", mas continuo procurando, juro! Achei alguns outros interessantes que vou enviar para você até o final da semana. Lembrei do aniversário da Monix e dei os parabéns no Facebook.Estou amando seus posts com as frases da Fal. Beijo!
Imagem de perfil

De sapoprincipe a 26.04.2011 às 23:05

Não se perca de mim
Não se esqueça de mim
Não desapareça
A chuva tá caindo
E quando a chuva começa
Eu acabo de perder a cabeça...

No melhor estilo rádiocabeça - by Helê.

É verdade, chove no Rio.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D