Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




colunata

por sapoprincipe, em 03.11.17

171103_classical_orders_Serlio.png

prancha arq. Serlio

Depois de levar um "olé" de um post no "feissy" (copyright Fal Azevedo) fui perguntar para a Ana Paula a respeito e ela me explicou que estava certo e me indicou "A linguagem clássica da arquitetura" - John Summerson.
Nem precisei comprar, pois tenho 3 exemplares. Um que comprei quando pensei em fazer mestrado, um herança do Daniel e um que veio no "pacote" da estante da mãe de uma amiga (Oi, Monix).
Optei por ler o exemplar que era do Daniel que tinha alguns pontos já marcados (facilita a doação dos outros dois). Provavelmente, ele estava preparando uma aula sobre a Grécia.
Na "Essência do clássico" o autor apresenta os modelos de colunas gregas. Sim, aquelas mesmo que vocês viram na escola - Toscana/Dórica/Jônica/Coríntia/Composta. Ele acrescenta à classificação: Sempre se considerou que as ordens tivessem como que uma personalidade. Vitrúvius (Arquiteto/Sec. I a.C.) talvez tenha sido o responsável por isso. Para ele, o Dórico exemplifica a "proporção, força e graça do corpo masculino". O Jônico se caracteriza pela "esbelteza feminina".
Antes de terminar a frase que dizia que o Coríntio - "a figura delgada de um menina" - pensei: Então, a composta só pode ser uma dragqueen. Confiram o capitel em comparação aos outros, please rs
Aí, só pude rir quando na página seguinte tinha a anotação do Daniel:
Obs: As três ordens=discutir o masculino, o feminino e o andrógino.
Hoje, talvez ele usasse queer, naquela época a palavra "da moda" era andrógino.
Ah, um dado, as aulas do Daniel era para o curso de indumentária.
O livro continua. "Houveram outras interpretações. As recomendações de Serlio (Arq. -1475/1554- Renascimento) eram:
a ordem Dórica deve ser usada em igrejas dedicadas aos santos mais extrovertidos (S. Paulo/S. Pedro/S. Jorge), a Jônica para santos mais tranquilos e a Coríntia para virgens (especial Virgem Maria). A Toscana para fortificações e prisões (que é ordem mais atarracada e pesada mesmo).
Debaixo da saia do Papa tem mais coisas do que a gente imagina e a história detalhada traz surpresas.

171103_Classical_orders.png

capiteis

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:12



Mais sobre mim

foto do autor


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D