Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




domingueiras

por sapoprincipe, em 30.10.16

161030_Ingres.jpg

Jean Auguste Dominique Ingres
Édipo e a Esfinge
1808

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 15:13


3 comentários

Sem imagem de perfil

De Beth Salgueiro a 30.10.2016 às 20:14

A lenda de Edipo e a Esfinge.
Laio, o rei de Tebas, tinha sido alertado pelo Oráculo de Delfos que uma maldição ia acontecer: seu próprio filho o mataria e se casaria com a própria mãe.
Por isso, quando Édipo nasceu, Laio abandonou-o no monte Citerão, onde foi recolhido pelo rei de Corinto. Anos depois, Édipo consulta o Oráculo que lhe dá a mesma previsão dada a Laio, que mataria seu pai e casaria com sua mãe. Achando se tratar de seus pais adotivos, o jovem Édipo foge de Corinto em direção à cidade grande, no caso, Tebas.

No caminho, encontrou um homem e, sem saber que era o seu pai, brigou com ele e o matou. Depois foi tentar vencer a Esfinge que aterrorizava Tebas, porque o premio seria casar com a rainha Jocasta, que era linda pra caramba. A prova da Esfinge era responder certo a uma adivinhação: "qual é o animal que tem quatro patas de manhã, duas ao meio dia e três à noite"? E ele disse: "É o homem. Ao amanhecer é um bebê gatinhando, de tarde é um adulto e de noite é um velho com bengala". Ele ganhou, claro, e a Esfinge morreu.
Então ele foi pra Tebas e casou com a rainha, com quem teve quatro filhos. Só então o Oráculo mostrou que eles eram mãe e filho. Desesperados, Jocasta comete suicídio e Edipo fura os proprios olhos.
Nem pensaram nas proprias crianças, que ficam sozinhas, né?

Essa historia foi a base da peça Edipo Rei, de Sófocles, além de um oratório de mesmo nome, composto por Stravinsy. Sem falar de Freud, claro, e seu complexo de Édipo...

E entrou por uma perna de pato...
Sem imagem de perfil

De Beth Salgueiro a 05.11.2016 às 17:26

acho que esse post foi over, hein?
morri de vergonha, agora que reli.
apago?
Imagem de perfil

De sapoprincipe a 06.11.2016 às 12:47

não. de maneira nenhuma. foi ótimo.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D