Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




morar menos

por sapoprincipe, em 30.11.16

Semana passada foi o dia de ir ao "morar mais por menos" que, como o casa cor, quase perco, pois já eram os últimos dias.

Há tempos tenho a sensação que é um espaço para os que não conseguem entrar no casa cor. Pena. Com uma boa curadoria o evento poderia ser bem mais atrativo.
Lógico que a badalação sobre alguns espaços e acabamentos só se justificam pelo inusitado. Criatividade é sempre bom. Mas daí a achar que é por menos... me lembro da parede com forração com filtros de café e com páginas de dicionários. A segunda opção me pareceu bem mais interessante, mas só sairá mais barato se for vc mesmo a fazer, pq contratar um profissional não sairá baratinho. É um trabalho lento e chato de ser feito (para ficar bem feito - claro). Vc em casa com ajuda de algum amigo... baratinho.
Este ano teve os móveis e a cabeceira da cama em papelão - no espaço do De Sender (que participa tb do casa cor todo ano). Idéia aproveitável? Para um casal jovel como era proposto, pode ser. Para um quarto de adolescente, melhor aí. Mas a cabeceria só ficará legal com um belo desenho de linhas e com um decente corte a laser (baratinho?). Alguém muito habilidoso poderá fazer um bom corte? sim. Ficará ótimo na república de um estudante de artes ou design. rs

Como já ouvi numa palestra de um participante da mostra que ele não liga para o conceito e que faz tudo do jeito que ele quer, o evento deste ano deixa claro que ele não é o único.
Como profissional da área gosto de ir sempre, este ano pra mim valeu muito a pena, não pela mostra em si, mas pelas palestras sobre construções com madeira que achei sensacionais. Acho inclusive que seria uma arquitetura que teria mais a ver com o pais, no lugar desses caixotinhos espelhados espalhados pela cidade.
Lá, como no casa cor, tinha um rinoceronte para me lembrar da Fal. Nesta questão de postagens antenadas com o mundo, lembro sempre do "Duas Fridas". Não foram o estopim, mas antes de virar modinha elas já estavam lá com o blog. E Frida decididamente virou pop. Depois, Helê começou com suas postagens de imagens de corações com desenhos naturalistas quando a febre começava a subir. Tatuagens, grafites, t'shirt e até peça de decoração como a exposta no casa cor (sem contar que até eu me rendi com o - D'aprés Helê ;c).
Agora, serão os rinocerontes a nova onda?

161130_rino.png

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:17



Mais sobre mim

foto do autor


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D