Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




cores negras

por sapoprincipe, em 06.03.18

Agora que a minha opinião não poderá influenciar o Oscar... vamos falar de Pantera Negra.
No cinema, nada é por acaso. Seja da escolhas dos atores à cor do fundo de cena.
Um filme com direção e elenco predominantemente de negros é algo para ressaltar sim. Pra isso, temos o depoimento da Helê no Duas Fridas e, também, este texto do Fábio Kabral, indicado pela Laura Guimarães.
Para exibir sua exuberância, o filme tem muitas outras qualidades. Da atuação à beleza dos atores, cenários e figurinos. Inspirados numa África que é plural nos plurais.
Não tenho como avaliar o quanto das escolhas dos figurinos entram no gosto da maioria branca. Eu achei maravilhosos. Só não me surpreenderam mais por conta de, nos últimos tempos, ter encontrado, internet à fora, vários artistas africanos contemporâneos que me impressionaram por demais.
Embora não dá para ter dúvidas de que usaram de interpretações clássicas para as cores. Tema que tem sido, cada vez mais, meu foco aqui.

180306_panteranegra_01.jpeg

Isso fica claro na escolha do roxo para Zuri (Forest Whitaker), inclusive é a cor da bebida da cerimônia de coroação do rei; o branco no contato com o divino (passagem para o outro mundo) e me fez lembrar do post daqui "deu branco" - cor do início - pois é quando eles iniciarão seus reinados (mas isso foi só coincidência, acho eu);

180306_panteranegra_02.jpg

os vermelhos para a guerreira Okoye (Danai Gurira - a chefe da guarda de Wakanda) e suas "meninas"; os tons terrosos de M'Baku (Winston Duke) ", por que será?

180306_panteranegra_03.jpg

180306_panteranegra_04.jpg

Foge ao esquema o caso de T'Challa (Chadwick Boseman), afinal, ele não tinha como fugir do preto. Mas, Erik Killmonger (Michael B. Jordan) tem um uso de preto também acentuado, além de marrons e tons cinzentos (queriam dar um aspecto meio sujo, não?). Mas, no duelo entre os dois de Pantera, um tem efeitos de roxos - elevação - e o outro de marrons. 

Preciso rever o filme para acertar o tom de Shuri (Laetitia Wright), pois me perdi nos figurinos mais moderninhos - eram pra mostrar seus conhecimentos e idade? (rs) e definir o padrão de verdes e ouro para a engajada Nakia (Lupita Nyong'o).
Como bem diz Frazer e Banks: Não importa se é um longa-metragem de Hollywood, um comercial de batom ou um curta alternativo, espera-se que o filme seja um texto de múltiplas camadas e que a cor represente uma importante camada de significado.
Independente se vc tem isso claro ou não.
Putz, o filme foi lançando agora, só irá concorrer em 2019...  e agora?
eheheheheh

NB 1 - " Muita coisa já se remexeu aqui dentro logo nos primeiros minutos. ...
Nunca permita que diminuam a importância que o filme tem para você.
Não precisa explicar pra ninguém. Quem sentiu, sentiu. ...
A ficção causa explosões de inspiração e força para lutar as batalhas no mundo real.
A ficção tem esse poder de nos reconectar as nossas lendas ancestrais.
Nunca permita que ninguém diminua a importância que o filme tem para você.

Esse filme é uma declaração de amor a todas as pessoas pretas no mundo."
Fábio Kabral
NB 2 - Hoje, no mailing do Meio, vi esta brincadeira aqui
Legally Black - novas versões dos cartazes do cinema -
(trocadilho com o "Legalmente loira"). No caso do Pantera...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:58


4 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 06.03.2018 às 14:48

Nossa, que maravilhosa essa leitura através das cores, Cláudio. Adorei. E vou ler o texto do Fábio, que já amei a citação; obrigada por indicar. E por nos fazer ver Pantera por outro ângulo, enriquecendo ainda mais essa ficção arrebatadora.
Beijo,
Helê
Sem imagem de perfil

De Anónimo a 08.03.2018 às 13:08

Embora tenha muita vontade, ainda não assisti. Agora virou um "must"...
Imagem de perfil

De sapoprincipe a 09.03.2018 às 13:15

um "must" não sem motivos.
é um filme de super-herói e como tal, com cenas de ação e luta, mas muito bem cuidado. em todos os aspectos.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2005
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D