Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




outros mundos

por sapoprincipe, em 22.06.22

220622_kinnporsche.jpeg

APO Nattawin e Mile Phakphum

Numa pesquisa que fiz no google sobre um BL (boys’ love / dorama / yaoi) acabei vendo o link de uma comunidade e cliquei pra entrar. Mera curiosidade.
Só confirmou o que já tinha lido a respeito e tinha observado por algumas páginas que passei. As séries e as novels são consumidas por uma parcela grande de mulheres hetero, de idades variadas – já vi postagens de mulheres de 14, 33 e 60 anos, sei por que citaram no texto.
Sempre fico me perguntando qual o motivo do interesse, já que a maioria das produções não tem a qualidade de uma série tipo Heartstopper. Histórias simples, finais felizes são alguns pontos que já vi levantados.
O que me surpreendeu foi descobrir um certo lado do “fan service”. O interesse comercial em produzir histórias ou cenas ou finais que agradem ou que o público está pedindo (em caso de histórias abertas), eu entendo. Agora, o que pra mim é absurdo é o trabalho de marketing e divulgação criar todo um romance extra séries. Como muitos fãs shippam os casalzinhos das séries (o que não é de hoje, né?), os produtores e divulgadores alimentam os fãs fazendo com que os atores façam alguns carinhos uns nos outros, usem alianças iguais nas entrevistas e participações em programas de tv sugerindo que o romance está saindo da tela. Como o mundo da internet tem seus loucos (como na vida social corrente, diga-se), o que isso tem gerado? Posts e perseguições online a, por exemplo, um ator que divulgou uma foto com a namoradA. Como também tem gente de bom senso, li alguns posts criticando a atitude. Ainda bem.
Não sei se tem relação, mas acho bem possível. Não apoio a proposta de que para viver um personagem trans tem que ser um ator/atriz trans. Acho super válido a cobrança de atrizes e atores, roteiristas, produtores, membros da equipe em vários escalões de pessoas da comunidade e de vários gêneros quando a história gira entorno do tema ou tenha personagens LGBTQIAP+. O ideal é que tivessem envolvidos em todo tipo de produções. E no caso, ter atores heteros vivendo personagens gays é uma forma de quebrar o estigma e o preconceito, não?
Descobrir que o ator é muito diferente do personagem que ele interpretou ganha pontos comigo na avaliação do talento. Ter um homem hetero beijando outro homem (mesmo que sejam beijos meia-boca como são os beijos das séries asiáticas – sejam homo ou hetro) me faz até acreditar em beijo técnico. Eheheheh
(é só piada, gente. Não faço parte dos loucos que citei acima. Bem sei que é só encenação, e as cenas quando estão sendo gravadas não têm aquele “calor” todo que aparece na tela. Iluminação, ângulo, sonorização e montagem fazem milagres).

“São as trapaças da sorte, são as graças da paixão
Pra se combinar comigo tem que ter opinião
São as desgraças da sorte, são as traças da paixão
Quem quiser casar comigo tem que ter bom coração”

publicado às 20:00



Mais sobre mim

foto do autor


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2011
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2010
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2009
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2008
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2007
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D
  209. 2006
  210. J
  211. F
  212. M
  213. A
  214. M
  215. J
  216. J
  217. A
  218. S
  219. O
  220. N
  221. D
  222. 2005
  223. J
  224. F
  225. M
  226. A
  227. M
  228. J
  229. J
  230. A
  231. S
  232. O
  233. N
  234. D