Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




paisagem

por sapoprincipe, em 15.12.15

Aproveitando a data de comemoração do dia do arquiteto.

 

"Pensar a paisagem nos ajuda a compreender o mundo.
Para que haja paisagem é preciso que haja um sujeito observador que a constrói e inventa.
Nós somos a paisagem."

 

 

Trabalho de tese da Arq. Lúcia Maria de Siqueira Cavalcanti Vera

Paisagem-Postal: A imagem e a palavra na compreensão de um Recife urbano.

 

"Parece simples falar de paisagem e parece óbvio que a paisagem deveria ser considerada quando se pensa em planejar as cidades, mas...
os planejadores têm dificuldades de trabalhar com a imaterialidade nos seus projetos.

Paisagens postais são aquelas que identificam cidades como assinaturas urbanas. Esta identificação não está expressa na paisagem em si, mas na relação de apreensão entre o sujeito que a observa e a transforma e a paisagem que se deixa observar e transformar."

Urbanismo não é minha praia, mas trabalhos como este até me fazem pensar em. 
Embora diferente do Recife onde a intervenção era na frente dos prédios históricos, acho bastante similar ao que será feito no "porto maravilha" aqui no Rio. Vista do mar a primeira visão ainda  será os armazéns do porto. Mas para quem irá transitar pela cidade, com os inúmeros edifícios que se pretende construir - e alguns com uma arquitetura espelhada de gosto duvidoso - o impacto - por conta do gabarito que foi liberado- já não será as curvas dos morros ou a nossa exuberante paisagem - que é fator determinante para o título de maravilhosa que detém a cidade. Apesar do turismo não ser tão bem explorado, boa parte do que ocorre é por conta da paisagem. Sendo ela maculada pelos prédios (ainda mais do que já é), não sei se teremos ganhos. Até pela comparação do que se pretende construir aqui e o que está pronto lá, acho que se alguém estiver interessado em ver prédios irá para Dubai.
Acho lamentável não termos tido um #ocupaporto, pois consertar o estrago será complicado e caro. Lógico que com a abertura da reformada Praça Mauá esse impacto não está sendo sentido. Mas aquilo é só uma cereja do bolo que não será saboroso.
E cada vez mais vamos perdendo a cidade.

 

"Se você abrir uma pessoa, irá encontrar paisagens" Agnès Varda

publicado às 21:00


Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Posts mais comentados


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2005
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D